Bem-vindo
Classificação
Classificação do Time
Classificação dos Jogadores
Times
Pts
J
V
E
D
GM
GS
+/-
66
34
20
6
8
57
36
21
64
33
19
7
7
63
44
19
47
34
14
5
15
46
45
1
47
33
13
8
12
41
42
-1
46
34
13
7
14
46
44
2
46
33
13
7
13
47
48
-1
42
34
12
6
16
42
52
-10
41
34
12
5
17
49
61
-12
39
34
11
6
17
40
46
-6
39
34
11
6
17
42
60
-18
38
34
10
8
16
32
43
-11
36
33
9
9
15
39
54
-15
33
33
9
6
18
32
53
-21
31
34
9
4
21
30
63
-33
19
20
34
5
5
24
32
76
-44
14
34
3
5
26
19
67
-48
Player
Gols
J
1
Agüero, Sergio
Manchester City
19
28
7
2
Salah, Mohamed
Liverpool
19
34
7
3
Aubameyang, Pierre-Emerick
Arsenal
18
32
5
3
Mané, Sadio
Liverpool
18
32
1
5
Kane, Harry
Tottenham Hotspur
17
28
4
6
Sterling, Raheem
Manchester City
17
29
8
7
Hazard, Eden
Chelsea
16
33
12
8
Vardy, Jamie
Leicester City
15
30
4
9
Pogba, Paul
Manchester United
13
30
9
10
Lacazette, Alexandre
Arsenal
13
31
7
11
Wilson, Callum
Bournemouth
12
26
8
12
Son, Heung-Min
Tottenham Hotspur
12
27
6
13
Lukaku, Romelu
Manchester United
12
29
0
14
Richarlison
Everton
12
32
1
15
Firmino, Roberto
Liverpool
12
33
7
15
Jiménez, Raúl
Wolverhampton Wanderers
12
33
7
17
Milivojevic, Luka
Crystal Palace
12
34
1
17
Sigurdsson, Gylfi
Everton
12
34
3
19
King, Joshua
Bournemouth
11
31
3
20
Murray, Glenn
Brighton & Hove Albion
11
33
0
21
Martial, Anthony
Manchester United
10
24
2
22
Moura, Lucas
Tottenham Hotspur
10
27
0
23
Rashford, Marcus
Manchester United
10
28
6
24
Barnes, Ashley
Burnley
10
33
2
24
Mitrovic, Aleksandar
Fulham
10
33
3
26
Wood, Chris
Burnley
10
34
1
27
Sané, Leroy
Manchester City
9
27
10
28
Rondón, Salomón
Newcastle United
9
28
5
29
Deeney, Troy
Watford
9
30
5
30
Anderson, Felipe
West Ham United
9
33
4
31
Pedro
Chelsea
8
27
1
32
Zaha, Wilfried
Crystal Palace
8
30
3
33
Ings, Danny
Southampton
7
20
2
34
Arnautovic, Marko
West Ham United
7
24
3
35
Deulofeu, Gerard
Watford
7
25
5
35
Hernández, Javier
West Ham United
7
25
2
37
Jesus, Gabriel
Manchester City
7
26
3
38
Brooks, David
Bournemouth
7
28
5
38
Jota, Diogo
Wolverhampton Wanderers
7
28
4
40
Maddison, James
Leicester City
7
32
6
41
Pérez, Ayoze
Newcastle United
7
33
2
42
Fraser, Ryan
Bournemouth
7
34
12
43
Mkhitaryan, Henrikh
Arsenal
6
21
4
43
Ward-Prowse, James
Southampton
6
21
0
45
Shaqiri, Xherdan
Liverpool
6
22
2
46
Schürrle, André
Fulham
6
24
0
47
Mahrez, Riyad
Manchester City
6
26
3
48
Silva, David
Manchester City
6
28
6
49
Pereyra, Roberto
Watford
6
29
2
50
Eriksen, Christian
Tottenham Hotspur
6
30
12
51
Silva, Bernardo
Manchester City
6
31
7
52
Calvert-Lewin, Dominic
Everton
6
32
1
53
Morata, Álvaro
Chelsea
5
16
0
54
Alli, Dele
Tottenham Hotspur
5
20
2
54
Loftus-Cheek, Ruben
Chelsea
5
20
2
56
Gray, Andre
Watford
5
24
2
57
Gündogan, Ilkay
Manchester City
5
26
2
58
Camarasa, Víctor
Cardiff City
5
29
4
59
Doucouré, Abdoulaye
Watford
5
30
6
59
Duffy, Shane
Brighton & Hove Albion
5
30
0
61
Redmond, Nathan
Southampton
5
33
3
62
Babel, Ryan
Fulham
4
12
3
63
Lamela, Erik
Tottenham Hotspur
4
18
2
64
Özil, Mesut
Arsenal
4
21
2
65
Reid, Bobby
Cardiff City
4
24
2
66
Lingard, Jesse
Manchester United
4
25
2
67
Højbjerg, Pierre-Emile
Southampton
4
26
2
67
Xhaka, Granit
Arsenal
4
26
1
69
Paterson, Callum
Cardiff City
4
27
1
70
Bamba, Sol
Cardiff City
4
28
1
70
Milner, James
Liverpool
4
28
4
70
Ramsey, Aaron
Arsenal
4
28
6
73
Antonio, Michail
West Ham United
4
29
3
74
Schlupp, Jeffrey
Crystal Palace
4
30
1
75
Boly, Willy
Wolverhampton Wanderers
4
31
0
75
Gray, Demarai
Leicester City
4
31
2
77
Townsend, Andros
Crystal Palace
4
34
3
78
Grant, Karlan
Huddersfield Town
3
9
0
79
Higuaín, Gonzalo
Chelsea
3
10
0
80
Clark, Ciaran
Newcastle United
3
11
0
81
Kamara, Aboubakar
Fulham
3
13
0
81
Koscielny, Laurent
Arsenal
3
13
0
83
McNeil, Dwight
Burnley
3
17
4
84
Andone, Florin
Brighton & Hove Albion
3
19
0
85
Schär, Fabian
Newcastle United
3
20
1
85
Vokes, Sam
Burnley
3
20
0
87
Cavaleiro, Ivan
Wolverhampton Wanderers
3
21
1
87
Long, Shane
Southampton
3
21
1
89
Morgan, Wes
Leicester City
3
22
0
90
Jørgensen, Mathias
Huddersfield Town
3
24
1
91
Armstrong, Stuart
Southampton
3
25
1
91
Holebas, José
Watford
3
25
6
93
Barkley, Ross
Chelsea
3
26
5
93
Gudmundsson, Jóhann Berg
Burnley
3
26
5
93
Mooy, Aaron
Huddersfield Town
3
26
1
93
Murphy, Josh
Cardiff City
3
26
2
97
Maguire, Harry
Leicester City
3
27
0
97
Noble, Mark
West Ham United
3
27
3
99
Hoilett, Junior
Cardiff City
3
28
1
100
Iwobi, Alex
Arsenal
3
30
4
100
Neves, Rúben
Wolverhampton Wanderers
3
30
2
100
Willian
Chelsea
3
30
6
103
Cathcart, Craig
Watford
3
31
0
103
Digne, Lucas
Everton
3
31
4
103
Tarkowski, James
Burnley
3
31
1
106
Doherty, Matt
Wolverhampton Wanderers
3
33
4
106
Kanté, N'Golo
Chelsea
3
33
4
106
Walcott, Theo
Everton
3
33
2
109
Aké, Nathan
Bournemouth
3
34
0
109
Van Dijk, Virgil
Liverpool
3
34
2
111
Batshuayi, Michy
Crystal Palace
2
9
0
111
Tielemans, Youri
Leicester City
2
9
4
111
Yarmolenko, Andriy
West Ham United
2
9
0
114
Origi, Divock
Liverpool
2
10
1
115
Pérez, Lucas
West Ham United
2
12
0
116
Dier, Eric
Tottenham Hotspur
2
16
0
116
Joselu
Newcastle United
2
16
0
116
Mendez-Laing, Nathaniel
Cardiff City
2
16
0
116
Sturridge, Daniel
Liverpool
2
16
1
120
De Bruyne, Kevin
Manchester City
2
17
2
121
Saïss, Romain
Wolverhampton Wanderers
2
19
0
121
Valery, Yan
Southampton
2
19
0
123
Groß, Pascal
Brighton & Hove Albion
2
20
2
123
Herrera, Ander
Manchester United
2
20
3
123
Mata, Juan
Manchester United
2
20
2
126
Junior Stanislas
Bournemouth
2
22
3
127
Albrighton, Marc
Leicester City
2
23
2
127
Austin, Charlie
Southampton
2
23
2
127
Tosun, Cenk
Everton
2
23
3
130
Giroud, Olivier
Chelsea
2
24
4
130
Locadia, Jürgen
Brighton & Hove Albion
2
24
0
132
Young, Ashley
Manchester United
2
25
2
133
Billing, Philip
Huddersfield Town
2
27
0
133
Chambers, Calum
Fulham
2
27
0
133
Hughes, Will
Watford
2
27
4
133
Knockaert, Anthony
Brighton & Hove Albion
2
27
6
133
Mustafi, Shkodran
Arsenal
2
27
0
138
Mounié, Steve
Huddersfield Town
2
28
3
138
Zouma, Kurt
Everton
2
28
2
140
Laporte, Aymeric
Manchester City
2
30
2
140
Torreira, Lucas
Arsenal
2
30
2
140
Westwood, Ashley
Burnley
2
30
7
143
Dunk, Lewis
Brighton & Hove Albion
2
31
1
143
Pereira, Ricardo
Leicester City
2
31
4
143
Rice, Declan
West Ham United
2
31
0
143
Sessegnon, Ryan
Fulham
2
31
7
143
Snodgrass, Robert
West Ham United
2
31
5
143
Wijnaldum, Georginio
Liverpool
2
31
0
149
David Luiz
Chelsea
2
32
2
149
Ritchie, Matt
Newcastle United
2
32
5
151
Jorginho
Chelsea
2
33
0
152
McArthur, James
Crystal Palace
2
34
5
152
Ndidi, Wilfred
Leicester City
2
34
0
152
Van Aanholt, Patrick
Crystal Palace
2
34
2
155
Gibson, Ben
Burnley
1
1
0
156
Ward, Joel
Crystal Palace
1
4
0
157
Jagielka, Phil
Everton
1
5
0
158
Obafemi, Michael
Southampton
1
6
1
159
Balogun, Leon
Brighton & Hove Albion
1
8
0
159
Foyth, Juan
Tottenham Hotspur
1
8
0
159
Quina, Domingos
Watford
1
8
0
159
Wanyama, Victor
Tottenham Hotspur
1
8
0
159
Welbeck, Danny
Arsenal
1
8
1
164
Danilo
Manchester City
1
9
0
164
Gorenc-Stankovic, Jon
Huddersfield Town
1
9
0
164
Longstaff, Sean
Newcastle United
1
9
0
167
Lovren, Dejan
Liverpool
1
11
0
167
Vydra, Matej
Burnley
1
11
1
167
Ward, Danny
Cardiff City
1
11
0
170
Ayité, Floyd
Fulham
1
12
0
170
Cleverley, Tom
Watford
1
12
0
170
Gabbiadini, Manolo
Southampton
1
12
0
170
McTominay, Scott
Manchester United
1
12
0
170
Mina, Yerry
Everton
1
12
0
170
Pereira, Andreas
Manchester United
1
12
1
176
Harris, Kadeem
Cardiff City
1
13
0
176
Kayal, Beram
Brighton & Hove Albion
1
13
1
176
Maitland-Niles, Ainsley
Arsenal
1
13
1
179
Dendoncker, Leander
Wolverhampton Wanderers
1
14
0
179
Muto, Yoshinori
Newcastle United
1
14
0
181
Fred
Manchester United
1
15
1
182
Lennon, Aaron
Burnley
1
16
1
182
Llorente, Fernando
Tottenham Hotspur
1
16
3
182
Sema, Ken
Watford
1
16
2
182
Zohore, Kenneth
Cardiff City
1
16
1
186
Bacuna, Juninho
Huddersfield Town
1
17
0
186
Sánchez, Alexis
Manchester United
1
17
3
188
Ayew, Jordan
Crystal Palace
1
18
2
188
Cédric
Southampton
1
18
2
190
Balbuena, Fabían
West Ham United
1
19
0
190
Bertrand, Ryan
Southampton
1
19
0
190
Ghezzal, Rachid
Leicester City
1
19
0
190
Monreal, Nacho
Arsenal
1
19
3
190
Stephens, Jack
Southampton
1
19
0
195
Evans, Jonny
Leicester City
1
20
0
195
Matip, Joel
Liverpool
1
20
0
195
Sánchez, Davinson
Tottenham Hotspur
1
20
1
195
Vertonghen, Jan
Tottenham Hotspur
1
20
0
195
Vietto, Luciano
Fulham
1
20
4
200
Daniels, Charlie
Bournemouth
1
21
0
200
Hayden, Isaac
Newcastle United
1
21
3
200
Mousset, Lys
Bournemouth
1
21
0
200
Smalling, Chris
Manchester United
1
21
0
204
Ogbonna, Angelo
West Ham United
1
22
1
205
Gosling, Dan
Bournemouth
1
23
1
205
Keïta, Naby
Liverpool
1
23
1
205
Kenedy
Newcastle United
1
23
1
205
Smith, Adam
Bournemouth
1
23
0
209
Gunnarsson, Aron
Cardiff City
1
24
2
209
Kiko
Watford
1
24
1
211
Alexander-Arnold, Trent
Liverpool
1
25
7
211
Costa, Hélder
Wolverhampton Wanderers
1
25
2
211
Fabinho
Liverpool
1
25
2
211
Matic, Nemanja
Manchester United
1
25
0
211
Meyer, Max
Crystal Palace
1
25
2
211
Trippier, Kieran
Tottenham Hotspur
1
25
3
217
Coleman, Seamus
Everton
1
26
2
217
Gomes, André
Everton
1
26
1
217
Lerma, Jefferson
Bournemouth
1
26
0
217
Lindelöf, Victor
Manchester United
1
26
1
217
Romeu, Oriol
Southampton
1
26
0
217
Shaw, Luke
Manchester United
1
26
4
217
Stephens, Dale
Brighton & Hove Albion
1
26
1
217
Success, Isaac
Watford
1
26
1
217
Traoré, Adama
Wolverhampton Wanderers
1
26
1
217
Winks, Harry
Tottenham Hotspur
1
26
0
227
Cook, Steve
Bournemouth
1
27
0
227
Fernandinho
Manchester City
1
27
3
227
Pritchard, Alex
Huddersfield Town
1
27
0
230
Alonso, Marcos
Chelsea
1
28
4
230
Cairney, Tom
Fulham
1
28
1
230
Castro, Jonny
Wolverhampton Wanderers
1
28
0
230
Henderson, Jordan
Liverpool
1
28
2
230
Hendrick, Jeff
Burnley
1
28
0
230
Iheanacho, Kelechi
Leicester City
1
28
3
230
Kongolo, Terence
Huddersfield Town
1
28
1
230
Walker, Kyle
Manchester City
1
28
1
238
Bennett, Ryan
Wolverhampton Wanderers
1
29
0
238
Capoue, Étienne
Watford
1
29
3
238
Keane, Michael
Everton
1
29
2
238
Pröpper, Davy
Brighton & Hove Albion
1
29
2
238
Tomkins, James
Crystal Palace
1
29
1
238
Yedlin, DeAndre
Newcastle United
1
29
2
244
Bernard
Everton
1
30
3
244
Diop, Issa
West Ham United
1
30
0
244
Morrison, Sean
Cardiff City
1
30
3
247
March, Solly
Brighton & Hove Albion
1
31
5
247
Seri, Jean Michaël
Fulham
1
31
2
249
Rüdiger, Antonio
Chelsea
1
32
0
250
Cork, Jack
Burnley
1
33
2
250
Moutinho, João
Wolverhampton Wanderers
1
33
8
250
Schindler, Christopher
Huddersfield Town
1
33
0
253
Azpilicueta, César
Chelsea
1
34
4
19 Abr
12:19
City e Tottenham voltam a se enfrentar na Premier League
18 Abr
12:09
VAR revoluciona emoções no futebol
16 Abr
19:20
Barcelona se classificou deixando "imagem espetacular", diz Messi

O Barcelona derrotou por 3 a 0 o Manchester United e se classificou para as semifinais da Liga dos Campeões (com um placar agregado de 4 a 0) "deixando uma imagem espetacular", garantiu o astro Lionel Messi após a partida em que marcou dois gols.

"Mostramos o que somos e demos uma imagem espetacular fazendo uma grande partida", declarou o craque argentino ao canal Movistar.

Apesar do claro resultado, o Manchester United teve várias chances no começo da partida para colocar em risco a classificação dos catalães.

"Entramos frios e nervosos nos primeiros cinco minutos e foi um pouco estranho até que recuperamos o controle do jogo e veio o primeiro gol", admitiu Messi, que abriu o placar com uma grande jogada individual que culminou com um potente disparo aos 16 minutos.

"Não podemos sair para o jogo assim em uma partida de Champions, porque temos a experiência do jogo contra a Roma e poderia ter complicado nossa classificação, porque cinco minutos ruins te deixam fora", lamentou Messi, lembrando a derrota por 3 a 0 no ano passado na capital italiana, depois de ter vencido por 4 a 1 em Barcelona, e ser eliminado da Liga dos Campeões.

Quatro minutos depois do primeiro gol, Messi voltou a marcar, embora nessa vez tenha contado com a colaboração do goleiro espanhol David de Gea, que não conseguiu segurar o chute do argentino e a bola passou por baixo de seu corpo.

"A jogada do primeiro gol nos deu força e depois, no segundo, tivemos um pouco mais de sorte, mas conseguimos o objetivo de avançar às quartas e chegar às semifinais, que fazia tempo que não conseguíamos", resumiu Messi.

Perguntado sobre o adversário ideal nas semifinais, respondeu: "Vai ser complicado porque estão os melhores, os que merecem e será dificílimo seja contra Liverpool ou Porto".

O Barcelona ainda tem a chance de conquistar a tríplice coroa, já que tem uma mão na taça do campeonato espanhol e está classificado para a final da Copa do Rei.

"É preciso dar um passo a mais, pouco a pouco, e pensar na Liga, encaminhá-la e conquistar o título o quanto antes, sem relaxar, e depois vamos pensar nas semifinais", concluiu Messi.

16 Abr
14:37
Ignorância salva goleiro galês de punição por gesto nazista
16 Abr
14:02
Ignorância salva goleiro galês de punição por gesto nazista

Wayne Hennessey, goleiro galês do Crystal Palace que pareceu realizar uma saudação nazista durante uma noitada com companheiros, foi absolvido pela comissão disciplinar por seu "grau de ignorância lamentável", anunciou nesta terça-feira a federação inglesa de futebol (FA).

O jogador de 32 anos, goleiro titular da seleção de Gales semifinalista da Eurocopa-2016, foi julgado após ser fotografado fazendo com o braço o que parecia ser uma saudação nazista em 5 de janeiro, durante uma noitada ao lado de companheiros de clube após uma partida da Copa da Inglaterra.

Hennessey não negou ter feito o gesto, mas afirmou que estava tentando chamar a atenção da pessoa tirando a foto e que qualquer semelhança com a saudação nazista é pura coincidência.

"Tão improvável quanto possa parecer a quem vem de outra geração, não refutamos esta afirmação como falsa", escreveu a comissão disciplinar da FA. "De fato, quando Hennessey foi questionado a respeito, mostrou uma ignorância considerável, até lamentável, em relação a tudo que envolve Hitler, o fascismo e o regime nazista".

Assombrados, os membros da comissão se contentaram em dar uma lição de moral.

"Tão lamentável quanto passa parecer, que uma pessoa seja tão inconsciente sobre uma parte tão importante de nossa própria história e do mundo, não acreditamos que ele não estivesse dizendo a verdade sobre o assunto. Tudo que podemos dizer, sob risco de parecer condescendentes, é que seria bom para Hennessey se familiarizar com os eventos que continuam na atualidade tendo uma grande importância para todos os que vivem em um país livre".

16 Abr
13:58
Ignorância salva goleira galês de punição por gesto nazista

Wayne Hennessey, goleiro galês do Crystal Palace que pareceu realizar uma saudação nazista durante uma noitada com companheiros, foi absolvido pela comissão disciplinar por seu "grau de ignorância lamentável", anunciou nesta terça-feira a federação inglesa de futebol (FA).

O jogador de 32 anos, goleiro titular da seleção de Gales semifinalista da Eurocopa-2016, foi julgado após ser fotografado fazendo com o braço o que parecia ser uma saudação nazista em 5 de janeiro, durante uma noitada ao lado de companheiros de clube após uma partida da Copa da Inglaterra.

Hennessey não negou ter feito o gesto, mas afirmou que estava tentando chamar a atenção da pessoa tirando a foto e que qualquer semelhança com a saudação nazista é pura coincidência.

"Tão improvável quanto possa parecer a quem vem de outra geração, não refutamos esta afirmação como falsa", escreveu a comissão disciplinar da FA. "De fato, quando Hennessey foi questionado a respeito, mostrou uma ignorância considerável, até lamentável, em relação a tudo que envolve Hitler, o fascismo e o regime nazista".

Assombrados, os membros da comissão se contentaram em dar uma lição de moral.

"Tão lamentável quanto passa parecer, que uma pessoa seja tão inconsciente sobre uma parte tão importante de nossa própria história e do mundo, não acreditamos que ele não estivesse dizendo a verdade sobre o assunto. Tudo que podemos dizer, sob risco de parecer condescendentes, é que seria bom para Hennessey se familiarizar com os eventos que continuam na atualidade tendo uma grande importância para todos os que vivem em um país livre".

16 Abr
13:32
Pochettino promete uma batalha contra o Manchester City

O técnico argentino Mauricio Pochettino prometeu nesta terça-feira que o duelo de seu clube, o Tottenham, contra o Manchester City, pela volta das quartas de final da Liga dos Campeões, será uma "batalha".

"Será um desafio incrível. Estou muito motivado e animado com a ideia de disputar este jogo. Amanhã será uma batalha", declarou Pochettino em coletiva de imprensa na véspera da partida decisiva.

Neste duelo 100% inglês, o Tottenham terá que defender a vantagem de 1 a 0 construída na ida, na semana passada em Londres.

"Para nós, ganhar o jogo de ida foi um resultado incrível, mas sabemos muito bem que a eliminatória está aberta. Mas o que temos é confiança e fé de que podemos ser fortes. Vamos lutar", insistiu o argentino.

A nível pessoal, Pochettino admitiu que é um desafio enfrentar o técnico do City, Pep Guardiola, alguém que o argentino enfrentou diversas vezes na carreira, inclusive na época em que era jogador do Espanyol e o espanhol comandava o Barcelona.

"O fato é que Guardiola talvez seja o melhor ou um dos melhores técnicos do mundo. Acho que ele ganhou 24, 25 ou 26 troféus. Nos enfrentamos em Barcelona, onde jogamos muito", lembrou.

Pochettino concluiu com uma mensagem de apoio aos jogadores e torcedores do Tottenham: "Aconteça o que acontecer, estaremos mais que orgulhosos de nosso caminho na Liga dos Campeões".

16 Abr
13:05
Guardiola e City jogam por mais que a vaga contra o Tottenham na Champions
15 Abr
19:30
Arsenal vence Watford e encosta no terceiro colocado Tottenham
15 Abr
18:08
Cardiff responde à Fifa sobre conflito com Nantes relativo à contratação de Sala

O Cardiff City apresentou nesta segunda-feira suas alegações à Fifa em resposta ao conflito com o time francês Nantes, no caso da transferência de Emiliano Sala, o atacante argentino morto em um acidente de avião em janeiro, anunciou o clube galês.

"O Cardiff City FC apresentou hoje sua resposta à Fifa em relação à demanda apresentada pelo FC Nantes no dia 26 de fevereiro de 2019", confirmou um porta-voz da equipe que pariticipa do campeonato inglês à AFP.

O Nantes, clube ao qual o atacante pertencia, recorreu à Fifa para reivindicar do Cardiff o pagamento pela transferência do atacante argentino. A instância havia dado um prazo para que o clube inglês respondesse: até o dia 15 de abril.

Após a morte do argentino no acidente aéreo, o Cardiff decidiu não fazer um primeiro pagamento de 6 milhões de euros, dos 17 de custo total da transferência, que havia sido aprovado pelas autoridades do futebol antes da tragédia.

Segundo a imprensa britânica, o Cardiff considera que o acordo entre os dois clubes passou a ser "nulo" após a morte do jogador devido à rejeição da Premier League à primeira versão do contrato. Sala morreu antes da assinatura do contrato revisado.

Mais Notícias